O Presidente Jair Bolsonaro será investigado pelo STF a pedido do TSE

O Presidente Jair Bolsonaro será investigado pelo STF a pedido do TSE
foto: Google

O presidente Jair Bolsonaro tem atacado fortemente o modelo eleitoral do país. Tem falado por diversas vezes que as eleições eletrônicas são fraudes. Até afirmou que se o modelo atual permanecer, não haverá eleições em 2022.

Não se pode esperar atitude dessa natureza de um chefe do país, que tem demonstrado incapacidade e incoerência nas suas determinações. Como ele afirma sem provas que as eleições poderão ser fraudadas no próximo pleito, por esse motivo segundo ele, tem que ser colocado em prática o seu modelo próprio do voto impresso.

Por outro lado, essa atitude deixa uma brecha de dúvidas: será que Jair Bolsonaro não pretende forjar o resultado das eleições em 2022? Será que esse modelo próprio não seria só ele o beneficiado com o resultado?

O TSE aprovou nesta segunda-feira (2) por unanimidade a abertura de inquérito investigativo sobre os ataques do presidente da república contra o modelo eleitoral, que segundo o TSE afirma que é um modelo seguro contra qualquer hacker.

Jair Bolsonaro foi eleito em 2018 por esse modelo existente no país, há mais de duas décadas. Não existem dúvidas que as eleições são seguras. Ele está colocando em xeque-mate a sua própria eleição.

O inquérito vai também apuará as fak News disseminadas pelo presidente da República. O ministro Alexandre de Moraes afirmou que “com a democracia não se brinca, não se joga”.

O presidente se acha o todo-poderoso e entende que tem o direito de decidir tudo da sua maneira, mas ele precisa ter consciência que é um funcionário publico a serviço da nação brasileira está a mercê de qualquer investigação.